segunda-feira, 17 de novembro de 2008



Entre vc tambem para a campanha: "Pijama: use o seu"


sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Não há para onde correr - Vinícius Candiogo

Todos os dias, acompanhamos nos meios de comunicaçoes as catastrofes e as mudanças que vem ocorrendo no clima mundial.Nunca se viram mudanças tão rápidas e com efeitos tao devastadorescomo tem ocorrido nos ultimos anos.
O apocalipse ecologico e resultado de duas principais açoes do homem: a queima de combustiveis fosseis e a queimada de florestas e matas. Isso tudo demonstra a completa irresponsabilidade do homem para com o meio ambiente onde habita.
Como consequencia dessas inconsequentes atitudes, a Terra já apresenta sintomas desse descaso. Uma delas é o derretimento das calotas de gelo da Antártida, o que ocasiona a elevaçao do nivel do mar ( 0,2 milimetros ao ano em média). O degelo dessa calota pode fazer os oceanos subirem até 4,9 metros, cobrindo grandes areas litoraneas e, por isso, pondo em risco a vida de milhoes de individuos.
Outro problema e a queima de combustiveis fosseis que lançam na atmosfera, milhares de toneladas de gas carbonico, o principal vetor do aquecimento global. Esse gas forma, na atmosfera, uma camada de poluentes de dificil dispersao, o que intensifica ainda mais o efeito estufa. Com isso, a retençao de calor na superficie aumentara e podera influenciar fortementeo regime de chuvas e secas em varias partes do planeta, afetando a colheita em plantaçoes e o crescimento das florestas.
É importante ainda salientar as extremas alteraçoes climaticas que estao mudando a face do nosso planeta. Ciclones na Australia, furacoes de extrema intensidade nos EUA, esse, por sua vez, sofreu recentemente com a passagem de um furacao fora de epoca, que deixou rastro de destruiçao por muitos estados norte-americanos. A maior consequencia disso é a grande quantidade de mortos e desabrigados que restariam nesses paises destruidos pela força da natureza.
Dessa forma, a unica chance da melhora dos sintomas dessa febre global, seria que todos os paises, desenvolvidos ou nao, assinassem o Protocolo de Quioto. Esse documento tem como objetivo a reforma dos setores de energia, transporte e meios de produçao. Alem disso, é um dos seus objetivos o incentivo a utilizaçao de fontes de energia renovaveis, como o etanol e o biodiesel brasileiro, e limitar as emissoes de metano bem como proteger as florestas e outros sumidouros de carbono. Contudo, os maiores emissores de gas carbonico, a China e o EUA, com mais de 36% do total de emissao, nao aceitaram participar de tal acordo, alegando que esse protocolo seria um freio a economia ascendente dessas potencias. Com isso, o mundo fica cada vez mais poluido e a beira de um colapso.
Como todos  ja sabem, o aquecimento global ja esta em um nivel bem avançado. Tudo o que os homens fizerem só amenizara o impacto das mudanças, mesmo utilizando energias nao-poluentes. O homem agora tem que visar a sua sobrevivencia. A Terra se regenerará. Mas, nós corremos risco de sermos a proxima especie dominante do planeta a ser extinta. Por isso, devemos utilizar a tecnologia que dispomos para a nossa salvaçao. A tecnologia já esta avançada ao suficiente para melhorar os sintomas dessa febre. Só falta mesmo, usá-la para o bem do planeta.



Me desculpem pela ausencia de acentos, mas eu nao tenho paciencia para procurar-los no teclado...